Que cê tá fazendo da sua vida?

Posted by in Uncategorized

1

“Nem dinheiro, nem prazeres, vão trazer o que você tá procurando.” FORFUN

Eu acordo, às vezes, e penso que sei o que eu tô fazendo da minha vida. Tem vezes que eu não faço a menor ideia. Hoje é um dia desses. Não sei o que eu estou fazendo e quando digo isso me refiro ao todo, à existência da minha pessoa nesse mundão que a gente vive. O que eu estou buscando? Para onde eu estou caminhando? Onde eu pretendo chegar no final da caminhada? É preciso realmente caminhar para algum lugar? Será que eu já cheguei? Hoje não tenho resposta pra nenhuma dessas dúvidas.

Tem muita gente que está na mesma que eu. Por um lado é bom não estar sozinho no meio do labirinto. Por outro, gostaria que surgisse alguém, de lá de fora, com uma lanterna e dissesse “ei, vocês… o caminho é meio que por aqui, viu!” e a gente pudesse ver como é que essa pessoa fez. Não acredito que exista uma fórmula, mas deve haver uma inspiração a ser absorvida. Acho.

A maneira como eu ganho dinheiro realmente tem a ver comigo, ou é apenas a forma que eu encontrei para sobreviver no capitalismo? Era o que eu queria ser “quando eu crescer”?E se a resposta for “não”, qual é meu plano para seguir um caminho mais saudável? Será que dá pra chegar a um modelo mais saudável? A forma como eu passo meu tempo livre está de acordo com o que eu espero da vida? Eu tô perdendo tempo? Eu tô sendo justo comigo mesmo? Tem mais alguma coisa que eu possa fazer?

Será que é só dinheiro? Será que é só lazer? Será que em algum momento a gente chega na fase em que falta “só” uma coisa? Em que todo o resto está resolvido e harmonioso? O que é ter tudo “resolvido”? Tem alguma coisa pra resolver, ou o caminho é observar, aceitar e absorver? Resiliência, paciência e passividade? Será que a vida vem mesmo em ondas como o mar? A gente tomou vaca? Tá remando? Vai dropar? Passou e só a gente não foi?

Será que tem resposta pra essas dúvidas todas?

Desculpa. Talvez você tenha entrado aqui esperando alguma conclusão, mas eu só te dei mais perguntas. É que eu tô tão perdido quanto você. O que a gente vai fazer? Não sei. Se eu tenho ideias? Ainda não, mas pretendo pensar bastante a respeito. Do mais, estamos juntos, que é melhor do que estar sozinho. Tem algo de bom, né?

Copo meio cheio e tals… boa sorte pra nós.

 

foto jack noel davis